Quando a Ciência Descobre a Fé.

Descubra o que alguns arqueólogos
não querem que voce saiba

Há dois meses voltei a estudar. Depois de 22 anos anos longe dos bancos das universidades, depois de dois cursos de nível superior (Direito e Administração de Empresas) e um a nível de Pós Graduação (Marketing), agora estou no melhor curso do mundo: Teologia!
Eu estou amando o curso e algumas disciplinas estão me deixando simplesmente encantada!Uma dessas disciplinas é Arqueologia Bíblica (Até sonhar com a aula eu sonho kkk, imaginem!).
Talvez, alguém pense que estudar Arqueologia seja um pouco monótono. Por isso quero compartilhar algumas descobertas nesse pouco tempo em que estou estudando essa disciplina, na minha opinião, fas - ci - nan - te!!!!!

  • Voces sabiam que as cidades de Sodoma e Gomorra não se chamavam assim?! O nome de Sodoma era Bab Edh-Dhra e Gomorra Numeira. Após a destruição essas cidades passaram a se chamar Sodoma que significa queimado  e Gomorra enterrado em hebraico!
  • Nesses quase 12 anos lendo a Bíblia sempre pensei que Labão havia ido a procura dos idolos porque  era apegado às suas imagens, mas somente agora estudando Arqueologia descobri que a posse desses ídolos por um genro significava que o sogro havia transferido toda a herança, todos os bens, bem como a liderança da familia. Por isso Raquel havia pego os idolos,  e não por ser idolatra! Os ídolos serviam como um título que provava a transferencia de todos os bens! (ver Gênesis 31)
  • Sempre pensei que apenas Sodoma e Gomorra haviam sido destruídas, mas outras cinco cidades foram alvo do julgamento de Deus! Apenas Sodoma e Gomorra são citadas na Bíblia porque elas as cidades mais proeminentes da pentápolis,mas outras duas cidades também foram destruídas.
  • Voce sabia que por causa de um pedido de Ló uma cidade não foi destruída? A cidade chamada Zoar.
  • Voce sabia que já foram encontrados cemitério, túmulos queimados onde se localizavam as Cidades de Sodoma e Gomorra?
  • Voce sabia que o povo judeu não atravessou o Mar Vermelho? Sim! Os hebreus atravessaram um dos braços do Mar Vermelho chamado Mar de Juncos!
  • Voce sabia que essas colunas, inclusive, uma que esta na frente da Praça São Pedro, no Vaticano tem origem e significado pagão?
  • Muitos diziam que o povo hitita citado na Bíblia jamais havia existido, pois não haviam registros na história de outros povos, e assim, como esse fato, toda o Antigo Testamento seria apenas uma epopéia para exaltação do povo judeu! Até que derão a mão a palmatória quando em 1948 encontraram uma enorme bíblica dos hititas!!!!! A Bíblia nunca erra!!!
  • Voce sabia que foi encontrado um papiro egipcio descrevendo as pragas do Egito no tempo do Êxodo da Bíblia?! Um documento não escrito por um judeu, mas por um egipcio!! O papiro de Ipuwer diz: "“Os estrangeiros (hebreus?) vieram para o Egito ... [eles] têm crescido e estão por toda a parte [lit. ‘em todos os lugares, eles se tornaram gente’]... o Nilo se tornou em sangue ... [as casas] e as plantações estão em chamas ... a casa real perdeu todos os seus escravos ... os mortos estão sendo sepultados pelo rio ... os pobres (escravos hebreus?) estão se tornando os donos de tudo ... os filhos dos nobres estão morrendo inesperadamente... o [nosso] ouro está no pescoço [dos escravos?] ... o povo do oásis está indo embora e levando as provisões para o seu festival [religioso?].” Refere-se aos judeus e o seu êxodo do Egito!!!
W.F.  Albright diz: "Não há dúvidas de que a arqueologia confirmou a historicidade  substancial da tradição  do Antigo Testamento".
Não sei quanto a voce,mas a cada estudo, a cada leitura fico maravilhada, e minha fé fortelecida!!
Para  quem gosta de ler, para que desejar aprender mais ainda sobre a Bíblia (sim,porque a Arqueologia nos mostra todo o contexto social, político, economico, cultural dos fatos relatados na Palavra de Deus, as Escrituras Sagradas, a Bíblia), para quem gosta de novas descobertas, certamente  a leitura desse livro será de grande valia, e muito interessante.


...........
(contracapa)
"Nos últimos aos, a Bíblia vem sendo desafiada por leigos e eruditos, que têm interpretado achados da arqueologia, hsitória e paleografia como evidências de que a Bíblia não tinha razão. No entanto, tais interpretações não têm se sustentado, mas apontado para o extremo oposto.
Chegou a hora de passar a limpo essas evidências, deixando que falem por si mesmas e compará-las com o que a Bíblia realmente diz sobre cada ponto e passagem.
Com dezenas de fotos de artefatos e locais mencionados na Bíblia, A Bíblia e a Arqueologia foi elaborada como um grande panorama das descobertas arqueológicas relacionadas às Escrituras, tanto do Antigo quanto do Novo Testamento num só volume. Esta edição ilustrada é uma obra essencial par a compreensão dos textos sagrados em seu contexto hístórico e cultural.
"A Bíblia não muda, mas a ciência da Arqueologia avança a cada nova escavação, a cada novo documento e interpretação. A Bíblia e a Arqueologia nos presenteia com informações valiosas que trazem vida aos relatos bíblicos."  (Dr.Donald J. Wiseman - Professor de Assiriologia, Universidade of London)
"Este livro é uma contribuição monumental para p estudo do contexto histórico cultural dos tempos bíblicos e do próprio texto da Bíblia" (Sidney Alan Leite - Professor de Arqueologia Bíblica, Núcleo de Estudos Avançados)"

Autor:
Dr. John A. Thompson é Doutor em Estudos Orientais pela University of Cambridge (Reino Unido). Trabalhou em escavações nas cidades de Jericó e Dibom, por meio da ASOR (American Schools of Oriental Research) e serviu como Diretor do Australian Institute of Arqueology (Melbourne, Austrália) durante muitos anos.

Torta de Frango

Ingredientes Frango: 1 peito inteiro de frango com pele e osso; 1 cenoura grande; 1 talo de salsão com folhas; 1 cebola g...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...